5 de jul de 2011

Entrevista com Rodrigo Pinto.

Rodrigo Pinto é formado em Publicidade e Propaganda pela PUC-RS. Redator na Nova Forma, Centro de Propaganda, Standart, Ogilvy & Mather, Paim Lauter Macedo, Lew, Lara (SP), Loducca (SP), Africa (SP). Atualmente, sócio e Diretor de Criação da Paim.
Principais clientes atendidos: Lojas Renner, Nokia, Banco Real, Itaú, Peugeot, Natura, TIM, Walmart, Topper.
Principais prêmios: 2 Leões de Prata em Cannes, 1 Leão de Bronze em Cannes, finalista no London Festival, Finalista no Clio Awards, medalhas no Anuário do Clube de Criação de São Paulo, Prêmio Abril Região Sul, Medalha de Prata no FIAP, Profissinais do Ano Região Sul e Redator do Ano no Salão da Propaganda.

CCCS - Como você entrou para a propaganda?

Rodrigo Pinto - Entrei meio por acaso. Na verdade, passei na faculdade de jornalismo, mas, no terceiro semestre, uma colega que fazia PP perguntou se eu não queria trocar com ela. Aceitei.

CCCS - O que você acha que é mais importante em um publicitário: talento, criatividade ou experiência?

Rodrigo Pinto - Persistência.

CCCS - O que uma boa propaganda não pode deixar de ter?

Rodrigo Pinto - Entretenimento.

CCCS - As novas tecnologias estão mudando o comportamento dos consumidores. O que o publicitário precisa ter em mente na hora de criar para essas novas mídias?

Rodrigo Pinto - Uma grande idéia. Isso é o ponto de partida para qualquer tecnologia. Para qualquer mídia.

CCCS - A propaganda muda o consumidor, o consumidor muda a propaganda, os dois ou nenhum?

Rodrigo Pinto - Os dois. Desde que a propaganda seja verdadeira.

CCCS - A propaganda se transforma ao longo dos anos, acompanhando as mudanças tecnológicas e comportamentais. Qual será o futuro da propaganda, na sua opinião?

Rodrigo Pinto - Essa pergunta é para a Mãe Dinah, né? Difícil prever o futuro. Mas, a medida em que mais pessoas tem acesso ao consumo e que o comportamento dos consumidores se torna mais maduro, mais consciente, a propaganda se torna mais importante como instrumento de orientação e diferenciação.

CCCS - Você vai palestrar para o Clube de Criação de Caxias do Sul em agosto. Deixe aqui o seu recado.

Rodrigo Pinto - Façam perguntas. É bem mais fácil quando rola a interação de palestrante e platéia. E fica mais fácil também de eu responder à curiosidade de vocês.

Nenhum comentário: